Terça-feira, 5 de Agosto de 2008
PADRE PARA O CORVO

                       

Ainda sobre afirmações do senhor Bispo, de substituir do padre do Corvo, por um padre não residente, que se deslocará de 6 em 6 meses, uns dias, à nossa ilha, na minha óptica só restam duas hipóteses aos católicos corvinos:

A primeira, seria não deixar sair o padre Alexandre, mas que não seria de todo justa, até pela consideração que temos por ele;

A segunda, seria a mais digna, não deixar que nenhum padre que se deslocasse ao Corvo nas condições propostas pelo Bispo, entrar e disser missa na nossa Igreja.

Eu sei, eu sei, que é uma posição muito radical, mas para grandes males grandes remédios e seria a forma de mostrar a todos, os católicos dos Açores e ao Bispo, que temos dignidade e que não vergamos, nem aceitamos, promessas que mexem com a nossa formação católica e de pessoas honestas. E, como dizia um ex-Bispo do Porto,, D. Antóni Ferreira Gomes, "DE PÉ DIANTE DOS HOMENS, DE JOELHOS, , DIANTE DE DEUS."



publicado por LFF às 11:20
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Dezembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


posts recentes

...

...

ASSIM VAI O MEU PAÍS

OLHAR REALISTA SOBRE A VI...

SOCORRO SENHOR PRESIDENTE

SER LIVRE IMPLICA TER COR...

SÓ NOS AÇORES

LEI DA ROLHA "TAMBÉM" NOS...

CRÓNICAS DA MINHA TERRA

HAJA VERGONHA

arquivos

Dezembro 2013

Março 2013

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Junho 2009

Maio 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds